Um paraíso de águas quentes à sua espera

Porto de Galinhas

Porto de Galinhas é uma conhecida praia do nordeste brasileiro. Sua fama se deve, principalmente, às belezas naturais: piscinas de águas claras e mornas formadas entre corais, estuários, mangues, areia branca e coqueirais. Localizada em Ipojuca, a 60 quilômetros do Recife, é uma das praias mais visitadas do litoral nordestino.

Antigamente, Porto de Galinhas era chamada de Porto Rico, devido à extração de Pau Brasil, uma árvore que contém tinta vermelha. Quando os escravos chegavam para serem vendidos, vinham escondidos embaixo de engradados de galinhas d’angola. A chegada dos escravos na beira mar era anunciada pela senha “tem galinha nova no porto!”. Por causa disso, Porto Rico ficou conhecida como Porto das “Galinhas”. Daí surgiu o nome Porto de Galinhas.

Além de também ser freqüentada por turistas europeus (e grande parte dos brasileiros) que admiram muito a beleza da praia, Porto de Galinhas é também muito freqüentada por surfistas de Pernambuco, por ser um dos principais locais de surfe da região. Cupe, Muro Alto, Borete, Camarões e Maracaípe são alguns dos picos. Porto de Galinhas é também muito próxima da Praia dos Carneiros e praia de Serrambi, outro pico de surfe famoso na região.

Eleita mais de 10 vezes consecutivamente a praia mais bonita do Brasil, Porto de Galinhas é a visão do paraíso, e não se trata de exagero. São sete praias contínuas, desde a Praia de Camboa, passando pelas praias de Muro Alto, Cupe, Porto de Galinhas até chegar a Maracaípe e Pontal de Maracaípe. As piscinas naturais são inesquecíveis. Suas águas mornas (média de 28ºC / 90ºF) e cristalinas, transformam-se em verdadeiros aquários formados pelos bancos de corais.*

Outro atrativo de Porto é a Vila, o centro da cidade. Nela é possível encontrar diversas opções gastronômicas que vão de lanches a pratos sofisticados, passando por cozinhas de todo o mundo. Os turistas podem encontrar ainda lojas de artesanato e de grife, além de boates e bares que garantem agito até o dia nascer.

*Fonte: www.visiteportodegalinhas.com